Entenda quais ovos você deve comer ou não!

Na Europa desde 2004, a União Europeia obriga os produtores de ovos a colocarem em cada ovo a sua designação, quase como se fosse um bilhete de identidade.

Em que consiste?: Ora bem, tu através da casca e do número que lá tem escrito consegues saber o local onde o ovo foi produzido e ainda mais importante, consegues saber de que forma as galinhas foram criadas.

1

O importante aqui é que deves ter em conta a maneira como os animais são tratados, sendo que o número 0 são de criação biológica e os que nós te recomendamos (mas o ideal é não comeres ovo), o número 1 de criação ao ar livre, o número 2 são criadas no solo(sendo que ao molho) e finalmente o pior de todos e aquele que deves evitar, o número 3 criadas em gaiolas.

As condições que estes animais têm a partir do número 1 para cima não são muito diferentes e são completamente injustificadas. Para teres a noção as galinhas do número 1 passam a noite dentro de uma armazém, mas durante o dia podem vir ao exterior, onde cada animal tem de ter 4 metros quadrados e esse espaço é 40x maior que os do número 2 têm, agora imagina as número 3.

As galinhas número 2 têm ainda o bico cortado para quando estas estão stressadas não morderem outras ou se auto mutilarem. Stressadas porquê? 10 galinhas por metro quadrado.

A ter em atenção também é ao engano que é as embalagens dos ovos no supermercado! Na embalagem diz que os ovos têm mais omega3 por exemplo e quando dás por ti compras-te 6 ovos de número 3 pelo preço de número 0.

Nós não “aconselhamos” que comas ovos nem derivados, mas se o fizeres pede a alguém que tenha galinhas em casa e as trate de forma respeitosa ou em última hipótese compra número 0. Diga não a isto!

111

Compartilhe este artigo com seus amigos e familiares para que ele entendam que ovos devem ou não comer… Lembre-se o ovo é muito importante para a boa saúde..

Lembramos que o comparativo da pesquisa não exprime algum tipo de ideologia ou apologia a tal tema de responsabilidade do site, estamos apenas reproduzindo um conhecimento científico.

Vimos em: servegetariano.pt

Comentar