Avó ficou com menino rejeitado pelos Pais, veja só como ele Agradeceu!

Você não vai acreditar nesta história. Esta experiência comovente foi compartilhada no Facebook. “Há algum tempo atrás alguém da nossa congregação me trouxe um broche em forma de rosa para colocar na lapela do meu terno todo domingo. Como eu sempre ganhava uma flor no domingo, eu nunca pensei muito sobre isso. Era um gesto bonito que eu apreciava, mas virou rotina. No entanto, num determinado domingo, este ato comum se tornou muito especial.

1

Eu estava saindo da missa quando um jovem veio até mim. Ele chegou bem perto e disse, “Senhor, o que vai fazer com a sua flor?” De início eu não sabia sobre o que ele estava falando, mas depois entendi. Eu disse, “você se refere à isso?” e apontei para a rosa pregada no meu terno.

Ele disse, “Sim, senhor. Eu gostaria de ficar com ela se você for jogar fora”. Neste momento, eu sorri e disse que ele podia ficar com a flor, perguntando o que ele faria com ela.

O menino, que provavelmente tinha menos de 10 anos, me olhou e disse: “Eu vou dar à minha avó. Meus pais se divorciaram ano passado. Eu estava morando com a minha mãe, mas ela se casou novamente, ela queria que eu fosse viver com meu pai. Eu morei com ele por um tempo, mas ele disse que eu não podia ficar, então me mandou ir morar com minha avó. Ela é tão legal comigo. Ela cozinha e cuida de mim. Ela têm sido tão boa pra mim que eu queria dar a ela esta flor bonita por ela me amar.”

Quando ele terminou eu mal podia falar. Meus olhos se encheram de lágrimas e eu soube que havia sido tocado bem no fundo da minha alma. Eu desabotoei a flor. Com ela em minhas mãos, eu olhei pro menino e disse “essa é a coisa mais bacana que já ouvi, mas você não pode ficar com esta flor porque não é suficiente. Se você olhar na frente do altar, vai ver um buquê de flores. Algumas famílias compram buquês para a igreja toda semana. Por favor, leve aquelas flores para a sua avó, porque ela merece o melhor.”

Como se eu já não estivesse emocionado o suficiente, ele fez mais um último comentário que eu nunca vou esquecer. Ele disse, “Que dia maravilhoso! Eu pedi por uma flor, mas ganhei um buquê lindo.”

Este menino está agradecido por algo que muito gente não dá valor: amor e sensação de pertencimento. Ele deveria receber este carinho dos seus pais mas, apesar de ter sido abandonado, ele parece ainda acreditar na bondade dos outros seres humanos.

Felizmente, sua avó assumiu a responsabilidade e salvou o netinho de uma existência triste. Parece que eles têm uma conexão muito especial.

Vimos em: naoacredito.com.br

Comentar