Ele foi Muito Atrevido… O Motivo surpreendente e Revelador, Você NÃO deve Fazer ISSO!!!

Na fotografia pôde ver uma pequena ilustração de um senhor que estava praticando o “ato” com a sua mulher e que queria experimentar uma coisa nova, ou seja, a*al. Ela de imediato disse-lhe para parar e os motivos são mais fortes do que imaginas…

nao-e1461002286528-271x200

O a*al sempre foi um assunto controverso na sociedade, sendo uma prática mais comum entre os homens homossexuais, apesar de também fazer parte das preferências se*uais de muitas mulheres. Estima-se mesmo que 5 a 10% das mulheres se*ualmente ativas já realizo a*al. Se praticado com cuidado, é possível e fonte de prazer. Porém, o A*al acarreta vários riscos tanto para os casais homosse*uais como para os heterosse*uais. Continue a ver abaixo agora mesmo!

Para além de no a*al sem proteção, a probabilidade de transmissão de doenças se*uais ser elevada, a falta de lubrificação natural do â*us pode causar fissuras que facilitam a infecção, aumentado no caso do VIH, o risco de infecção para 30 vezes em relação ao vaginal. O ânus tem presentes inúmeras bactérias, que ainda que possam não ser a causa das doenças se*ualmente transmissíveis, podem levar a infecções no tracto vaginal e a*al.

O â*us foi concebido para conter fezes, sendo controlado pelo esfíncter a*al. A penetração a*al frequente pode levar ao enfraquecimento do esfíncter, tornando difícil suster as fezes. O uso do preservativo masculino é a melhor forma de protecção contra a disseminação de doenças durante o ato a*al.

Para além do uso do preservativo, deve ter outros cuidados, nomeadamente:

  • – Evitar o*al ou vaginal após o a*al com o mesmo preservativo
  • – Usar um lubrificante à base de água para evitar a degradação do látex
  • – Parar se se tornar doloroso
  • – Contactar um médico se ocorrer hemorragia após o a*al

A hemorragia após o a*al pode dever-se a hemorroidas ou a algo mais sério como a perfuração do intestino, pelo que exige o contacto urgente com um médico. Se eu fosse a si tinha cuidado, quem bate por trás paga… LOLOLOL

Vimos em: vaidarzebra.com

Comentar